Seguidores

25 de mar de 2011

Não tenha medo das tempestades...





"Não tenho medo de tempestades, pois estou aprendendo a navegar meu barco."
(Louisa May Alcott)

22 de mar de 2011

Um labirinto de passagem...


A vida não é um corredor reto e tranquilo
que nós percorremos livre e sem empecilhos, 
mas um labirinto de passagens, pelas quais 
nós devemos procurar nosso caminho, 
perdidos e confusos, de vez em quando presos
em um beco sem saída.

Porém, se tivermos fé, uma porta
sempre será aberta para nós, 
não talvez aquela sobre a qual
nós mesmos nunca pensamos, 
mas aquela que definitivamente
se revelará boa para nós.

                                                 A. J. Cronin

15 de mar de 2011

Sonho...


Os sonhos não são
Apenas desejos fora 
Do mundo real
São vontades intensas
Que buscam nos infinitos
A luz de dias de Glória.
Nenhum sonho é absurdo,
Sonhar faz parte do ser humano.
Os intelectuais dizem 
Que é perda de tempo sonhar.
Os Românticos dizem 
Que é sonhando que encontra a razão.
Os otimistas dizem
Que querer é poder.
Mas o coração diz
Nada é impossível...
                                                          
                                   Fabiana Thais Oliveira

13 de mar de 2011

Estar Bem Consigo Mesmo

Com o passar do tempo a mídia tem moldado as pessoas, deixando-as sobre um mesmo padrão de vida. Mesmos atos, mesmas roupagens, mesmas vontades, mesmos caminhos. É como se estivéssemos vivendo dentro de um grande comercial de televisão. O tempo todo estão nos dizendo o que vestir, o que comer, o que fazer, onde ir; e absorvemos todas estas informações, mesmo sem a menor intenção. Quando você se dá conta está vestindo aquela blusinha amarela de babados e bolinhas azuis que uma grande atriz de novela usou para seduzir aquele mocinho lindo, malhado, de cabelos cacheados presos com uma tiara fina, que vestia uma camiseta regata verde deixando visível a tatuagem gigante que tem no braço.

Basta olhar ao seu redor para perceber quantos famosos lhe acompanham no dia-a-dia, ou você pode olhar para você mesmo e perceber que muito de você é o que a mídia implantou. A moda é uma grande indústria, que tem o dom de fazer a cabeça das pessoas. Induz vontades e atitudes. Você nem sempre é o que você veste, mas você veste porque está na moda. E ninguém pode ser julgado por falta de personalidade, porque é um ato impensado, ninguém pára para ver se realmente aquilo lhe agrada, aderimos uma moda simplesmente porque ela está na moda, quando na verdade, estar na moda é estar bem consigo mesmo. 

O mais importante é sentir-se bem. A única coisa imprescindível e inevitável é que esteja adequado para a ocasião, é claro, você não pode chegar em uma festa de luxo de tênis e bermudão, simplesmente porque se sente bem, mas também não precisa ir de risca de giz, sendo que gosta de tecido lisos, só porque está na moda, sacou?

Adeque-se ao movimento, dentro do que você julga especial para você. Se na sua faculdade as meninas vestem calças corsário com botas bico e salto finíssimos, com blusinhas decotadas e brincos gigantes, massss você tem a unha do dedão do pé encravada, é alérgica a jóias, e gosta de camisetas, não tem que se sacrificar para estar no padrão de suas colegas. Use simplesmente uma bota de bico bem quadradão, sem brincos e camisetão. É o seu estilo, e você deve assumi-lo. 

Não importa o que a sociedade impõe, nós devemos impor nossas vontades, porque moda existe para todos os estilos, você só precisa montar o seu. E considere que o que você veste fala muito sobre o que você é... Seguir uma moda só porque ela está em alta, significa negar o seu próprio estilo, ou a sua personalidade, o seu eu. 

Não erre, seja você na hora de escolher o que vestir... E se disserem, que seu bico quadradão está fora de moda, ignore ou chame seu podólogo para explicar! Ser você mesmo vale muito mais do que ser alguém na moda dos outros.

                                                                                                             Onna Roxane